quinta-feira, 13 de março de 2008

"suspeitas.blogs.sapo.pt"

Numa cusquice pelos blogs encontrei este post no blog suspeitas.blogs.sapo.pt com o qual concordo plenamente....

"Terça-feira, 27 de Novembro de 2007

Tontices da Igreja

A forma como a Mulher é encarada pela Igreja Católica é algo que me choca. Faz-me até alguma confusão como é que mulheres podem ser seguidoras de uma Igreja e participar activamente nos seus actos e nas suas actividades, quando são tão mal vistas e tão mal tratadas! A mulher é o símbolo do pecado. Da tentação. É um mal necessário, já que para haver procriação da espécie (objectivo último da Cristandade, seja a que preço for) ela tem que existir, logo, é deixá-la viver mas não lhe dar muita confiança!

No Catolicismo a mulher não pode ter as mesmas aspirações que os homens. Não pode ser Padre, logo, não pode realizar qualquer acto solene. Porquê? Tem menos capacidades que o homem? Sentirá o amor a Deus de uma forma menos intensa? Não tem capacidade de passar a palavra de Deus? ... Parece que não!!

Outra tontice da Igreja é a ideia de que Maria, mãe de Jesus, concebeu sem pecado! Foi mãe, mas não perdeu a sua virgindade, a sua pureza. Porquê? Isso não faz qualquer sentido. Porque é que a senhora havia de ser virgem? Isso quer dizer que todas as outras mães, ao longo de séculos, não passaram de meras incubadoras impuras e pecadoras?

As deputadas do PS (Partido Socialista) estão, ao que parece, a preparar um documento e diversas acções que visam confrontar a Igreja católica com esta discriminação. E eu acho que fazem muito bem! Está na altura de se começar a afrontar a Igreja em relação a uma série de assuntos.

É que para além de não terem razão, de defenderem um pensamento discriminatório, acabam ainda por gerar outras situações de maior miséria e pobreza. A postura da Igreja contra o uso do preservativo é criminosa. Milhões de pessoas são contaminadas e morrem em resultado desta epidemia! Isto é ser cristão? É defender a vida? Tanta coisa por causa do aborto, que é matar uma vida, etc., etc., e depois não se importam que milhões morram de SIDA porque são contra o uso do preservativo! A vida de um doente com o vírus do HIV vale menos que a de um embrião? ... Parece que sim! Da mesma forma que a mulher vale menos que o homem!"

Se querem conhecer melhor vão bisbilhotar suspeitas.blogs.sapo.pt eu bisbilhotei e além de me ter divertido achei um escrita sincera e muito bem disposta.Parabéns!

1 comentário:

GPS disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.